SESSÃO SOLENE: HCOR- ASSOCIAÇÃO BENEFICENTE SÍRIA

Premia Sampa destaca boas práticas para ampliação do potencial inovador da capital
dezembro 13, 2018
Venha participar do Festival de Natal no centro de São Paulo
dezembro 14, 2018

SESSÃO SOLENE: HCOR- ASSOCIAÇÃO BENEFICENTE SÍRIA

Imagem: Ricardo Rocha / CMSP.

A Sessão Solene de entrega da Salva Prata em Comemoração aos 100 anos do HCor – Associação Beneficente Síria, promovida pela Câmara Municipal de São Paulo por iniciativa do vereador Claudinho de Souza, reuniu cerca de 100 pessoas na tarde de terça-feira (12).

Com execução do hino nacional pelos membros da GCM Subinspetor Valdyr, tecladista e Subinspetor Johnny, saxofonista, a homenagem foi recebida por Sra. Théa Trabulse Namour, Diretora Presidente da Associação Beneficente Síria e Sra. Celia Cury Chohfi, Presidente do Conselho.

Sobre a Associação 

Em março de 1918, um grupo de senhoras da coletividade árabe, reunidas na Igreja de Nossa Senhora, decidiram fundar uma associação denominada Refúgio dos Órfãos. A ideia era arrecadar fundos para auxiliar imigrantes pobres e crianças órfãs da Primeira Guerra. Em pouco tempo, as senhoras enviaram auxílio em dinheiro, roupas e tecidos para populações carentes.

Durante o período da Segunda Guerra Mundial, organizaram eventos para angariar fundos com o objetivo de ajudar as famílias dos soldados brasileiros que lutavam na guerra. Atentas à necessidade de tratar as muitas vítimas carentes da tuberculose, inauguraram em 1947, o Sanatório Sírio, na cidade de Campos do Jordão.

Com o sucesso do projeto, em 1961, decidiu-se construir um hospital dedicado a cirurgia torácica na cidade de São Paulo. A estrutura básica do novo hospital foi concluída em 1967, graças ao empenho da Sra. Nabiha Abdalla Chohfi que organizou seguidas campanhas de arrecadação de recursos. Entretanto, Dona Nabiha conheceu o Dr. Adib Jatene que a convenceu a alterar o projeto original para um hospital dedicado a cirurgia cardíaca, devido a carência de hospitais com esse perfil.

A partir daquele momento, foram realizadas reuniões na casa da Dona Nabiha, com a presença do Dr. Adib Jatene, Dr. Luiz Carlos Bento de Souza, Eng. Antônio Carlos Kfouri e o Arq. Joel Ramalho, para adequação do edifício às necessidades de tratamento das cirurgias cardíacas. Assim surgiu o HCor- Hospital do Coração em dezembro de 1976.

Desde então, o hospital cresceu de forma significativa, ampliando sua estrutura e sua atuação para outras especialidades, como ortopedia, oncologia, neurologia, medicina diagnóstica e outras, sempre pautada pelo pioneirismo tecnológico, sempre mantendo os valores e compromissos de suas fundadoras. Atualmente, contribui para o sistema único de saúde- SUS, como um dos seis hospitais de excelência que fazem parte do Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do SUS – PROADI-SUS.

Destaca-se pelas cirurgias cardíacas pediátricas, fetais e neonatais, como centro de referência nacional do Ministério da Saúde; atua ainda na capacitação de equipes profissionais que atuam no SUS. No campo da pesquisa clínica, contribui de forma ímpar para o desenvolvimento e implementação de novas técnicas, avaliação de tecnologias e novos medicamentos a serem cobertos pelo setor público.

Fotos por: Ricardo Rocha / CMSP.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *