Confira as atrações para a comemoração dos 64 anos do Parque Ibirapuera

Mostra comemora os 50 anos da Feira do Livro Infantil e Juvenil de Bolonha
agosto 20, 2018
Estimulante para a leitura: conheça o Programa Livro na Faixa
agosto 22, 2018

Confira as atrações para a comemoração dos 64 anos do Parque Ibirapuera

Um dos principais cartões postais de São Paulo completa hoje 64 anos. Em comemoração a Secretaria do Verde e Meio Ambiente preparou uma programação especial. Confira mais sobre ela, neste link.

Sobre o Parque Ibirapuera 

O Ibira, como é carinhosamente chamado, mostra sua resistência em sobreviver, mesmo quando uns poucos não se esforçam tanto assim em conservá-lo adequadamente. Mas a sua história é anterior ao próprio IV Centenário. O projeto foi concebido pelos arquitetos Oscar Niemeyer, Ulhôa Cavalcanti, Zenon Lotufo, Eduardo Kneese de Mello, Ícaro de Castro Mello, além do paisagista Augusto Teixeira Mendes, ocuparia uma região bastante alagada – aliás, o nome do bairro, em tupi, significa pau podre, ou árvore apodrecida. Já em 1890, quando o governo federal “deu” as terras ao município, a área ficou bom tempo apenas como brejo – porque era só o que havia ali. As terras só foram reconhecidas como território municipal em 1916, quando o prefeito Washington Luís loteou o entorno para valorizar seu entorno, fazendo nascer o bairro do Jardim Lusitânia. O prefeito José Pires do Rio viu ali a necessidade de substituir o brejo por um parque, objetivando a “higiene da comunidade”. Foi assim que boa parte das terras foi incorporada ao projeto, culminando com uma troca de terrenos em 1927 que praticamente criou o parque. A instalação do viveiro de plantas e do plantio dos primeiros pinheiros, por volta de 1928, iniciou a reforma urbanística, principalmente de drenagem, para sua construção. Essa ocupação democrática faz do espaço um dos destinos turísticos mais procurados – tanto pela população mundial, quanto nacional, em visita a São Paulo. O parque foi entregue à cidade oficialmente em 21 de agosto de 1954.

Confira a programação 

FONTE LUMINOSA

ESPETÁCULO DA FONTE LUMINOSA

Sábados e domingos até 25/11

20h30 às 21h | 21h às 21h30

ESPETÁCULO DA FONTE MODO ORNAMENTAL

Segunda a sexta

9h00 às 12h | 14h às 17h | 19h às 21h

Sábado e Domingo

9h às 12h | 14 às 18h

AUDITÓRIO

Auditório Ibirapuera

Informações: 3629-1075 – www.auditorioibirapuera.com.br / info@auditorioibirapuera.com.br

ORQUESTRA DE CÂMARA DA ECA/SP

Formada por imigrantes e artistas vindos de países em situação de conflito social, sob regência do maestro Gil Jardim.

24/08 – 21h

SHOW ANELIS ASSUMPÇÃO

A cantora e compositora Anelis Assumpção sobe ao palco, acompanhada por sua banda, para apresentar o show Taurina, homônimo ao seu terceiro álbum solo. A apresentação conta com interpretação na Língua Brasileira de Sinais (Libras)

25/08 – 21h

SHOW NEGRAS VOZES EM TRAVESSIA

Negras Vozes em Travessia reúne Juçara Marçal, Nega Duda e Dani Nega,

cantoras com trajetórias distintas que se encontram em prol da potencialização de seus discursos, suas obras e seus sentimentos; às 18h, o show ganha abertura com a Orquestra de Tambores de Aço de Volta Redonda.

26/08 – 19h (plateia interna)

BANDA SINFÔNICA DO EXÉRCITO – CONCERTO PARA TROMBONE

A Banda Sinfônica do Exército recebe o trombonista italiano de apenas 25 anos, Peter Steiner, para única apresentação em São Paulo, para Concerto para Trombone de Derek Bourgeois, escrito especialmente para ele.

31/08- 21h

Confira mais sobre a programação, acessando a este link.

Fonte: Prefeitura de São Paulo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *