Saiba tudo sobre o saque do Fundo PIS-Pasep 2018

Palestras gratuitas durante o mês de junho
junho 13, 2018
Exposição sensorial no Japan House
junho 15, 2018

Saiba tudo sobre o saque do Fundo PIS-Pasep 2018

Desde 1971, o Programa de Integração Social (PIS) e o Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep) funcionam como uma poupança particular. A partir do próximo dia 18, o saque poderá ser realizado em agências da Caixa Econômica Federal e do Bando do Brasil. O valor médio de cada saque será de R$ 1.370,00.

PIS

Por meio da Lei Complementar n° 7/1970, foi criado o Programa de Integração Social (PIS). O programa busca a integração do empregado do setor privado com o desenvolvimento da empresa. O pagamento do PIS é de responsabilidade da Caixa​.

PASEP

Paralelamente à criação do PIS, a Lei Complementar n° 8/1970 instituiu o Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (PASEP), com o qual União, Estados, Municípios, Distrito Federal e territórios contribuíam com o fundo destinado aos empregados do setor público. O pagamento do PASEP é feito pelo Banco do Brasil.​

Quem tem direito ao PIS 2018

  • Trabalhadores e empregados da Indústria;
  • Trabalhadores do comércio e setor de serviços;
  • Trabalhadores rurais que tenham sido empregados em uma empresa agrícola;
  • Motoristas, estivadores, prestadores de serviço em geral que tenham trabalhado com carteira assinada para uma empresa.

Quem não tem direito ao PIS 2018

  • Servidores Públicos – Esses têm direito ao PASEP 2018, outra modalidade de abono Salarial;
  • Trabalhadores autônomos;
  • Agricultores autônomos, ou vinculados a uma cooperativa sem caracterizar vínculo empregatício;
  • Qualquer trabalhador, de qualquer ramo, que receba mais de 2 salários mínimos mensais;
  • Empregadas domésticas – Mesmo as que possuírem carteira assinada, não podem receber o benefício, pois no caso das domésticas, prestam serviço a pessoa física, e não a uma empresa, portanto, não há informe ao Ministério do Trabalho e Emprego (RAIS) informando o empregado.

Quem tem direito ao Pasep 2018

  • Esteja cadastrado no Pasep há pelo menos cinco anos;
  • Tenha ganho, no ano base de referência, média mensal de até 2 salários mínimos (soma das remunerações auferidas e informadas por um ou mais empregadores);
  • Tenha trabalhado no mínimo 30 dias no ano base de referência;
  • Seja informado corretamente no Relatório Anual de Informações Sociais – RAIS – do ano base em referência. (Para informações sobre a RAIS, consulte o site do Ministério do Trabalho e Emprego).

Para saber mais informações, clique aqui.

Onde consultar o PIS

O trabalhador poderá verificar o seu saldo através do site do banco, nos endereços: Caixa e Banco do Brasil. Para consultar o saldo de cotas do PIS, é necessário ou o número do CPF ou o número do NIS, que pode ser encontrado:

  • no Cartão do Cidadão;
  • nas anotações gerais de Carteira de Trabalho antiga;
  • na página de identificação da nova Carteira de Trabalho;
  • no extrato do seu FGTS impresso.

Em caso de consultas com o número do NIS, o beneficiário também precisará de uma senha. Quem já possui a Senha Cidadão pode fazer o login neste link, disponibilizado no site da Caixa, e informar a Senha Internet que deseja cadastrar. Quem não possui a senha pode clicar em “esqueci a senha” e preencher os dados solicitados, ou, se tiver o Cartão Cidadão, fazer um pré-cadastramento da senha pelo telefone 0800-726-0207. Para quem não tem o cartão, também é possível fazer o cadastramento em uma agência da Caixa.

Como realizar a retirara do PIS/Pasep 2018

Você deve confirmar no calendário de pagamento do Abono Salarial e consultar qual a sua data de recebimento, que varia de acordo com o seu aniversário. Para efetuar o saque é importante apresentar:

Caixa

  • Quem possui o Cartão Cidadão pode efetuar o saque nos caixa eletrônicos da Caixa, Correspondentes Caixa Aqui e Lotéricas;
  • Quem não possui o cartão, deve procurar uma agência da Caixa e apresentar um documento de identificação. Na ocasião, o trabalhador pode aproveitar para solicitar o Cartão Cidadão e cadastrar sua senha;
  • Quem possuir conta individual na CAIXA tem o benefício depositado diretamente na conta, caso haja saldo acima de R$1,00 e movimentação.

Banco do Brasil

Apernas um documento oficial de identificação com foto (RG, CNH, CTPS, Passaporte, etc).

Em casos de aposentadoria:

  • documento de identificação com foto;
  • comprovante ou número da inscrição PIS/Pasep;
  • e Carta da DataPrev ou Certidão do INSS ou cópia do DOU; ou dos estados e municípios; ou declaração do FUNRURAL; ou declaração de aposentadoria emitida por empresa ou entidade autorizada mediante convênio com o INSS; ou ainda documento comprobatório de aposentadoria expedido por órgão previdenciário do exterior, traduzido por tradutor juramentado.

Os valores disponíveis 

O valor do abono salarial vai variar de acordo com o tempo de serviço no ano anterior. Ou seja, se o trabalhador teve a carteira assinada durante todo o período, terá direito a 1 salário mínimo. Mas, se o período for inferior, o valor vai variar de acordo com a tabela a seguir:

1 mês de carteira assinada – entre 30 e 44 dias R$ 80,00

2 meses de carteira assinada – entre 45 e 74 dias R$ 159,00

3 meses de carteira assinada – entre 75 e 104 dias R$ 239,00

4 meses de carteira assinada – entre 105 e 134 dias R$ 318,00

5 meses de carteira assinada – entre 135 e 164 dias R$ 398,00

6 meses de carteira assinada – entre 165 e 194 dias R$ 477,00

7 meses de carteira assinada – entre 195 e 224 dias R$ 557,00

8 meses de carteira assinada – entre 225 e 254 dias R$ 636,00

9 meses de carteira assinada – entre 255 e 284 dias R$ 716,00

10 meses de carteira assinada – entre 285 e 314 dias R$ 795,00

11 meses de carteira assinada – entre 315 e 344 dias R$ 875,00

12 meses de carteira assinada – entre 345 e 365 dias R$ 954,00

Calendário PIS/Pasep 2018

Beneficiários com idades entre 57 e 59 anos poderão sacar o dinheiro entre segunda-feira (18) e 29 de junho. O pagamento para todas as idades ocorrerá entre 14 de agosto e 28 de setembro. Para quem tem conta na Caixa ou no Banco do Brasil, o depósito será em 8 de agosto para qualquer idade.

  • Idades entre 57 e 59 anos: de 18 a 29/06
  • Suspensão dos pagamentos: 30/06 a 07/08
  • Crédito em conta na Caixa ou Banco do Brasil para todas as idades: 08/08
  • Atendimento nas agências da Caixa ou Banco do Brasil para todas as idades: 14/08 a 28/09*

*Cotistas com mais de 60 anos podem sacar independentemente do cronograma, observando apenas a suspensão do pagamento em julho.

Fonte: Caixa, Banco do Brasil, PIS.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *